IECLB: encontro presidência, Secretaria Geral, pastores e pastoras sinodais

encontro IECLB

São Leopoldo-

CONIC/ALC-

A Casa Matriz de Diaconisas, em São Leopoldo, no Sínodo Rio dos Sinos, Rio Grande do Sul, foi sede do primeiro encontro de 2015 da presidência da IECLB, Secretaria Geral e pastores e pastoras sinodais, entre os dias 9 e 14 de março. No grupo, composto por 18 integrantes, 12 estão iniciando na função. Segundo o pastor presidente da IECLB, Nestor Paulo Friedrich, a reunião serve para oferecer aos pastores e pastoras sinodais um panorama geral do que está acontecendo na igreja. A partir desse encontro se organizam as atividades dos pastores e das pastoras sinodais e da gestão da presidência da IECLB.
Durante o encontro, os pastores e as pastoras sinodais tiveram a oportunidade de interagir com os estudantes de Teologia, em conversas informais para conhecer os integrantes dos seus próprios sínodos. Esse é um momento de extensão ao acompanhamento dos estudantes.
Na quarta-feira, 11, a presidência, pastoras e pastores sinodais e secretaria geral da IECLB, participaram do culto semanal da Faculdades EST. “Fiquei muito contente com a nossa participação no culto de celebração. Até expressei, naquele momento, a minha felicidade de ver rostos conhecidos. Ou seja, é sinal de que estamos juntos na caminhada”, salientou o pastor presidente. O pregador do culto, Prof. Dr. Rudolf von Sinner, representou a reitoria, dando as boas vindas às e aos visitantes da IECLB, ressaltando a importância da parceria existente e fazendo um apelo para novas vocações. “Queremos contribuir para com o futuro da IECLB através da formação de ministros e ministras competentes”, salientou. O Prof. Dr. Júlio Cézar Adam encabeçou a equipe litúrgica. O culto, cujo ambiente apresentou mesas e cadeiras viradas da entrada até a capela, ressaltou do texto de João 2.13-22 a necessidade de, como Jesus no templo, “virar a mesa” e ajudar a construir, motivados pela fé, uma sociedade mais justa e regida pela ética. No final do culto, as mesas viradas foram recolocadas de pé e serviram para a distribuição da Santa Ceia para a comunidade que lotou a capela.
Professores da Faculdades EST fizeram participações pontuais durante a reunião. O Prof. Dr. Oneide Bobsin apresentou dados do IBGE sobre a realidade religiosa do país, destacando os pontos convergentes sobre as religiões e igrejas no Brasil. Sua exposição foi desdobrada em duas perspectivas. “A primeira, que nenhuma Igreja com sua membresia se encontra fora das influências das múltiplas tendências religiosas. A segunda, comunicar o evangelho da Graça num contexto marcado pela lógica do sacrifício, pela qual as pessoas barganham com Deus, exige uma reflexão sobre a tradução da Palavra de Deus para este contexto. Sabemos muito bem o que comunicar, mas há a necessidade de saber como”, esclareceu Prof. Oneide. “O pastor Oneide Bobsin nos apresentou um panorama geral desses desafios. Um deles diz respeito a como nós, enquanto Igreja Luterana, estamos nos comunicando. E também como nós, enquanto ministros e ministras, lidamos com o sagrado, na celebração de um culto, com os elementos na celebração de uma ceia, que cuidados temos? O nosso tema de casa é contextualizar essa teologia e fazer com que ela bata no coração dos membros da igreja”, salientou pastor Paulo Friedrich.
O pastor presidente sinalizou os cinco programas prioritários para a IECLB: o programa de acompanhamento aos estudantes de Teologia; o programa de acompanhamento aos ministros e ministras, envolvendo políticas de seguridade e de formação; o programa de capacitação das lideranças, feito via o Instituto de Sustentabilidade da Faculdades EST. “O Instituto Sustentabilidade da Faculdades EST é algo muito importante para a formação na área Teológica, acredito que devemos implementar suas ações muito fortemente. É uma experiência nova. E nossa intenção é motivar os sínodos para que participem dessas atividades”, ressaltou o Friedrich, ao citar o curso de extensão em Qualificação Funcional em Liderança Comunitária Sustentável desenvolvido pelo InS, através da modalidade de ensino a distância. A IECLB também coloca em prática o programa de missão, que abarca as relações ecumênicas, a questão missionária da Igreja, projetos de edificação de comunidades e novas comunidades, projetos na área de formação de diaconia e todas as funções diaconais da igreja; e o programa de comunicação. “Como dialogamos entre nós? Como dialogamos com a Faculdades EST? Como os ministros e ministras dialogam entre eles?  É importante estarmos atentos a tudo que comunicamos e a tudo que queremos comunicar”, salientou o pastor Paulo Friedrich. Ou seja, a agenda de trabalho é extensa para 2015.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *